terça-feira, 12 de julho de 2011

Dicas para não exagerar no INVERNO!

Muitas pessoas não gostam do frio porque sempre acabam ganhando uns quilinhos....Eis, que estava lendo a Revista Boa Forma e achei essa reportagem ótima:


Ao contrário do que se imagina, a estação invernal é um ótimo período para começar uma dieta. O frio ajuda o organismo a produzir mais calor e acelera o metabolismo para manter a temperatura do corpo. E esse processo ajuda na queima de calorias. Só não deixe que e o frio e as tentações da temporada sejam desculpas para os quilinhos extras. Para ajudar você a manter a silhueta fininha, a nutricionista do Emagrecentro, Vivian Goldbeger, dá as dicas.

1. Troque o açúcar refinado pelo mascavo, mel ou adoçante: O açúcar branco, hipercalórico, sofre adições químicas de enxofre, cal puro e ácido fosfórico, uma mistura que ajuda a formar oxalato de cálcio, precursor do cálculo renal. Como contém 98% de sacarose, é um alimento muito energético, que acaba armazenado como gordura. Alguns estudos atribuem ao mal falado açúcar refinado males como enxaqueca, fadiga e irritabilidade.

2. Massa pode, mas com molho leve: Não precisa tirar o macarrão da sua vida, esse prato que a gente ama tem quase as mesmas calorias do arroz. É só saber combinar a massa com o molho – sem passar (muito) das 450 calorias – que ela cabe perfeitamente na sua dieta. Prefira um molho simples de tomate ou à bolonhesa. Se usar molho branco utilize o leite desnatado no preparo. Quanto mais simples, menos calórico é o molho – mas não menos saboroso.

3. Salada quentinha: O consumo de saladas no frio é bem menor, mas o grupo das verduras e legumes é essencial para o bom funcionamento do organismo. Você pode consumir esses alimentos cozidos, assados e grelhados. Uma boa opção são as sopas que levam os legumes na receita. Quentinhas e saborosas, vão muito bem nos dias de frio. Escolha verduras, legumes, temperos naturais, uma fonte de proteína (carne magra) e apenas uma de carboidrato (macarrão, arroz, mandioca, mandioquinha ou batata). Tome cuidado com os cremes, pois geralmente são acrescidos de creme de leite e queijos gordurosos, altamente calóricos. Para temperar sua sopa lance mão de ervas naturais, como manjericão, salsinha ou missô (pasta fermentada de soja). A aveia é outra amiga na hora de engrossar a receita deixa-la rica em nutrientes e fibras, que ajudam no bom funcionamento do intestino.

4. Doces com frutas: Substitua os doces com creme de leite e leite condensado pelos mais simples, como por exemplo, à base de frutas. São mais leves e levam nutrientes fundamentais para a sua beleza. Não resistiu às tentações? É possível comer bem sem deixar de saborear delícias do frio, como fondues, queijos e chocolates. O recomendado é manter o equilíbrio. Se um dia consumiu uma dessas guloseimas, no outro é importante dar preferência a alimentos saudáveis.

5. Fracione sua alimentação: Faça de 5 a 6 refeições por dia, não pule nenhuma, e estabeleça horários. Assim não irá comer demais na próxima refeição e não sentirá fome durante o dia.

6. Adote alimentos ricos em fibras: As fibras proporcionam uma sensação maior de saciedade, por isso é interessante consumir nesta época em que sentimos mais fome, arroz integral, farelo de trigo, e aveia;

7. Controle o álcool: O consumo de bebida alcoólica costuma se elevar durante o inverno, o que pode aumentar o valor das calorias e conseqüentemente o peso. Portanto moderação é fundamental. Não esqueça que cada grama de álcool fornece 7 calorias.

8. Não deixe de praticar exercícios: A atividade física é importante para o seu corpo o ano inteiro.

9. Água para sua fome: A água pode ser uma grande amiga quando você quer despistar a vontade de comer. Às vezes, a falta de hidratação é entendida pelo nosso cérebro como fome e, aí, beber um copo de água pode hidratar o seu organismo e desaparecer com o desejo de comida. Você tem que beber de 2 a 3 litros de água diariamente, mesmo na temporada de frio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário